038 – A força de uma igreja

Cartas às 7 igrejas

“Sei que você tem pouca força, mas guardou a minha palavra e não negou o meu nome” Ap.3.8.

Quando Davi decidiu enfrentar Golias, foi-lhe oferecida a armadura de Saul. Mesmo assim, o jovem decidiu lutar com sua funda e suas pedrinhas. Hoje em dia, a igreja também é tentada a vestir armaduras de rei.

A igreja de Filadélfia estava sendo atacada pelos gigantes da Sinagoga de Satanás, “que se dizem judeus e não são, mas são mentirosos” v.9, e que negavam a obra de Jesus.

Mas, diante das injúrias deste Golias, que buscava “fechar” a igreja, vedar sua porta; que dizia que Deus não amava os seus membros, pois não eram verdadeiros judeus; mesmo diante dessas coisas, a igreja “guardou a minha palavra de exortação à perseverança” (v.10). Ela confiou em suas pedrinhas. Ela confiou exclusivamente no Nome de Jesus. A igreja era fraca. Sua única força era Jesus. Jesus era o que a igreja tinha de mais precioso. Então ela não negou o Seu nome.

Quando a igreja é fraca, Jesus é forte.

Por isso, do mesmo modo que os anjos fecharam a porta de Ló, quando os homens de Sodoma tentaram arrombá-la (Gn.19.10), Jesus fez o inverso. Enquanto os judeus da Sinagoga de Satanás tentaram fechar suas portas, Aquele que “tem a chave de Davi” (v.7), disse: “Eis que coloquei diante de você uma porta aberta que ninguém pode fechar” (v.8). Jesus ia ficar na porta, e ninguém iria fechá-la! Jesus no culto, a porta permaneceria aberta, e cresceria, e daria frutos.

Além do mais, Ele não apenas deixaria a porta aberta para entrada, mas também a fecharia para saída: “Farei do vencedor uma coluna no santuário do meu Deus, e dali ele jamais sairá” (v.12). Aqueles que entrassem na igreja pela fé, Jesus guardaria a todos, mesmo quando viesse a provação mais severa: “eu também o guardarei da hora da provação que está para vir sobre todo o mundo, para pôr à prova os que habitam na terra” (v.10). Quando o mundo todo estiver sendo provado com águas de dilúvio, a igreja será a arca dos fiéis, cujas portas o próprio Deus lacra.

Finalmente, aqueles que duvidaram do cuidado de Deus pela igreja e por você, terão que reconhecer “que eu (Jesus) amei você” (v.9).

A igreja que permanecer fraca, será forte. A igreja que permanecer confiando exclusivamente no nome de Jesus, será inabalável. Ninguém fechará suas portas. E da proteção de Deus ninguém poderá tirá-la.

Adquira o seu!

“Ouça o que o Espírito diz às igrejas”, uma exposição das cartas às igrejas de Apocalipse, por Hernandes Dias Lopes!

Comente conosco o que achou desta postagem